cremosescreva • contribua

Blog

Calendário CristãoJesus merece toda a honra

Jesus merece toda a honra

*Por Renata Stanquini

João 12:1-19

Se você tem caminhado conosco até aqui, sem dúvidas já reparou que Jesus era muito mais do que simplesmente um homem. Havia nele algo muito especial que chamava a atenção de todos ao seu redor. Ele era habilidoso em responder desafios intelectuais, generoso com os necessitados, influente entre as multidões. Curou doentes, fez água se transformar em vinho, fez cegos voltaram a enxergar e até pessoas que estavam mortas voltarem à vida!

Muitos foram os que se maravilharam com suas palavras e se admiraram com seu poder para realizar milagres. Mas, acima de qualquer coisa, o que mais intrigava as pessoas daquela época era saber com que autoridade Ele realizava todas essas coisas.

Afinal, quem é este homem?. Se esta pergunta está pairando sobre a sua mente neste momento, aqui fica claro que você não é muito diferente das multidões daquele tempo. Todos queriam saber. Todos precisam saber!

Chegamos, então, ao capitulo 12 desta jornada. Neste relato lemos que falta menos de uma semana para a Páscoa e Jesus está em Betânia com seus discípulos jantando na casa de uma família muito querida por ele. Junto a mesa está Lázaro – o mesmo que foi ressuscitado por Jesus – e suas irmãs, Marta e Maria.

Durante o jantar, Maria pega um óleo perfumado muito caro (tão caro que equivalia a um ano de salário!) e despeja sem dó aos pés de Jesus. Ela espalha esse perfume com as mãos e depois enxuga com seus cabelos. Dá pra notar que ela não economizou uma sequer gota, pois “a toda casa encheu-se com a fragrância daquele bálsamo”.

Há muito significado nessa iniciativa de Maria que vale a pena refletirmos hoje. Em primeiro lugar, seu ato nada mais é do que uma expressão de gratidão e amor. Tente imaginar: seu irmão Lázaro estava ali, comendo e bebendo com eles, esbanjando plena saúde. Mas há algumas semanas ele estava tão doente que chegou a falecer. Houve um cortejo, houve choro, houve luto, houve até um sepultamento. Lázaro permaneceu sepultado durante 4 dias até que, com uma só palavra, Jesus o fez voltar à vida!

Maria, então, tenta da melhor forma possível demostrar quão agradecida ela estava. Aqui Maria não está preocupada com o que vão pensar dela, muito menos com questões financeiras. Ela simplesmente reconhece o tamanho do amor que recebeu e retribui com o seu melhor, mesmo sabendo que nada seria o suficiente.

A história segue. Poucos versículos adiante lemos que Jesus e seus discípulos deixam Betânia em viagem para Jerusalém. Como faltava apenas uma semana para a Páscoa, muitas pessoas estavam fazendo o mesmo. Jerusalém estaria cheio de gente nos próximos dias, pois a Páscoa era o evento mais importante do ano para o judeus.

Pouco antes de entrar na cidade, Jesus envia adiante alguns de seus discípulos para uma pequena vila chama Betfagé e pede que tragam um jumento, que estaria ali esperando por eles. Assim que eles voltaram, Jesus monta no animal e entra em Jerusalém. A Bíblia diz que grande multidão o seguia, gritando:

“Bendito é o Rei que vem em nome do Senhor! Paz no céu e glória nas maiores alturas!” Lc 19:37-38

Enquanto gritavam essas palavras, alguns estendiam suas roupas pelo caminho, e outros cortavam ramos de árvores espalhando-os pela estrada. A multidão estava finalmente reconhecendo que Jesus era Rei.

E não pense que isso era qualquer coisa. Aquelas pessoas sofriam sério risco fazendo isso, pois os líderes religiosos a tempos estavam incomodados com a influência de Jesus sobre o povo. Cristo é tão digno de honra que nem sequer a censura e desaprovação das autoridades conseguiram abafar o entusiasmo da multidão que o recebia.

Veja, em menos de 20 versículos vemos Jesus recebendo a honra que merece de duas maneiras diferentes: de maneira privada, com Maria, e de maneira pública, na entrada de Jerusalém. E é assim que deve ser na nossa vida também. Jesus é merecedor de toda glória, seja enquanto estamos orando trancadas no quarto, seja no trabalho, na escola ou na igreja.

Tanto Maria quanto o povo foram criticados por suas ações, mas não se importaram. Que seja assim conosco também. Que possamos reconhecer que nenhum gesto de louvor e gratidão é extravagante demais para Aquele que merece toda nossa honra!

_________________________

PERGUNTAS PARA REFLEXÃO

1. Jesus morreu na cruz e ressuscitou para salvar o seu povo da morte e do inferno. Você reconhece isso e, como Maria, vê seu coração sendo cheio de gratidão pelo que recebeu?

2. Você reconhece que Jesus é Rei, o Filho de Deus, e portanto, merecedor de toda honra?

3. Como você tem honrado a Deus quanto está sozinha? E quando está com outras pessoas ao seu redor?
_________________________

Renata Stanquini, Brasil

Obs.: Texto escrito em português do Brasil. Esta plataforma não obedece ao Novo Acordo Ortográfico e respeitas as regionalidades da Língua Portuguesa de acordo com a origem de suas autoras.

Escrito por -

Renata Stanquini tem 27 anos e se juntou ao Benditas logo no início, em 2017. É casada há um pouco mais de 1 ano com André e serve na Igreja Batista Reformada em São Paulo.

Discípulas de Jesus de diferentes denominações da fé protestante com o propósito comum de viver para a glória de Deus.
Social